sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Feliz Ano Novo!

 Neste exato momento a maioria das pessoas que tem um patrão razoavelmente legal estão em casa preparando a ceia ou se preparando para a ceia do Ano Novo. No entanto, o Nerdices a Parte não pode deixar de desejar a todos os nossos visitantes um Ano Novo cheio de paz, felicidade, alegria, prosperidade, vida longa, força, fórmulas químicas e físicas, descobertas científicas, muitos pokémons, digimons, e quaisquer outros monstrinhos colecionáveis, muitas novas fases, muitos canos a serem entrados e anéis a serem recolhidos, muitas princesas a serem salvas, e também donzelas indefesas, muitos vilões a serem vencidos, e alguns super vilões também, e, absoulatemente e acima de tudo, um Ano Novo com muitas nerdices e que, no próximo ano, possamos, enfim, experimentar o tal líquido que é quase, mas não exatamente, completamente diferente de chá. Faltou alguma coisa? Então aproveita o espírito do Ano Novo e comenta aí!

[img feliz-ano-novo-nerd]

Nerdices a Parte Especial de Natal #5


[Leia a Parte 4]


 J percebeu que ele não era o único: seus dois novos companheiros também sentiam uma energia maligna vinda daquele homem.

 "O que você quer?" perguntou Merlin972.

 O velhinho não respondeu. Continuou apenas rindo daquele jeito quase diabólico. Então, de repente, ele puxou uma grande sacola vermelha de pano do bolso e começou a correr na direção do pequeno menino.

 "Ele quer o menino!" gritou MestreDosGatunos. "Temos de impedi-lo. É por isso que fomos enviados nesta missão!"

 Com um rápido movimento, MestreDosGatunos sacou uma adaga e tentou golpear o velhinho. Ele foi mais rápido e pulou para trás, desviando do golpe. Merlin972 concentrou seu olhar no velhinho e, com um movimento de mãos, lançou um raio de fogo que partia de sua mão em direção ao homem. Mais uma vez ele desviou. Então foi a vez de J. Já munido de suas lâminas de pulso, preparou-se para atacar.

 Ele nunca tinha sentido tanta velocidade naquele jogo. Bastou um pequeno movimento e a lâmina já estava em contato com o ombro do velhinho, que gritou de dor. E então a compreensão se apoderou de J.

 "Temos que usar os presentes dos anjos!" gritou ele para seus companheiros.

 J lançou um rápido olhar para o Mago e o Logradeiro e percebeu que eles concordavam com ele. Os olhos de seus companheiros irradiavam a mesma compreensão que ele sentira momentos antes. Os três se dispersaram em volta do senhor de longas barbas brancas e sacaram seus novos itens.

 Então tudo aconteceu. MestreDosGatunos acendeu seu Incenso da Vitória e os movimentos do velhinho ficaram mais lentos por causa do odor. Merlin972 aproximou-se de J e jogou sobre ele todo o conteúdo de sua bolsa de Mirra Poderosa. Foi uma sensação incrível, como se todo o mundo ao redor de J tivesse ficado mais lento e mais frágil. Então, com um único e rápido movimento de seu Katar de Ouro, J acertou a barriga do velhinho, que caiu no chão, urrando de dor, e começou a se desfazer em pó, coisa que acontecia sempre que algum inimigo era derrotado.

 Os três amigos, então, olharam novamente para o berço de palhas onde descansava o Rei dos reis. E, olhando para seus pais, sentiram uma imensa alegria. E, de alguma forma, eles sabiam que aquela batalha tinha valido bem mais do que a experiência e os itens de jogo, pois o Natal, o verdadeiro Natal, tinha sido salvo. Pelo menos era o que eles sentiam, em seus corações.


quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Música Nerd #16: Felix Mendelssohn Bartholdy


 Estamos na última quinta-feira do ano. Mesmo assim, hoje é dia de Música Nerd. Mas, ainda é dezembro. Se você achou que, como o Natal já passou, não vai ter mais Música Nerd Especial de Natal, está redondamente enganado. Sendo assim, o músico escolhido para o Música Nerd de hoje é ninguém menos que ele: Jakob Ludwig Felix Mendelssohn Bartholdy.

Um pouco de história

 Nascido em 3 de fevereiro de 1809, Mendelssohn foi um grande pianista, compositor e maestro alemão no período romântico. Filho de um banqueiro, neto de um grande filósofo, Mendelssohn teve a oportunidade de ver bem de perto, na casa de seus pais, em Berlim, vários grandes nomes da Alemanha, pois eram visitantes frequentes. Começou a ter aulas de piano aos seis anos de idade e, aos oito, passou a ter também aulas de composição. Escreveu e publicou sua primeira obra aos treze anos.



Um pouco de música

 Mesmo sendo um grande compositor, Mendelssohn foi escolhido por uma determinada peça composta por ele, uma tradicional música natalina. E Felix Mendelssohn é o compositor de "Cantam Anjos Harmonias", também conhecida como "Hark! The Herald Angels Sing".



 Uma obra bastante conhecida composta por Mendelssohn é o oratório Elias. Esta peça retirada do oratório, "Ouve, oh, Israel", demonstra um pouco da beleza contida na obra.



 No entanto, talvez a peça mais conhecida de Mendelssohn seja mesmo a famosa "Marcha Nupcial", retirada da suíte "Sonho de uma Noite de Verão".



Algumas curiosidades



  •  Algumas das melhores sinfonias compostas por Mendelssohn foram inspiradas pelas muitas viagens que fez pelo continente europeu. Quando morou em Roma, por exemplo, em 1833, compôs sua Sinfonia em lá maior, que ficou conhecida como "Sinfonia Italiana". Em 1842, na Escócia, compôs a Sinfonia em lá menor ou "Sinfonia Escocesa". Por causa disso, há quem chame essas obras de "sinfonias de turista".


  •  A conversão da abastada família judia Mendelssohn ao cristianismo, mais precisamente ao luteranismo, foi necessária para que seus membros pudessem ser aceitos no meio da alta burguesia alemã. Com a conversão, muitos da família passaram a adotar o sobrenome Bartholdy, cristão, em lugar do tradicional Mendelssohn, judeu.


  •  O fato de Mendelssohn ter nascido em uma família rica e, por isso, nunca ter enfrentado qualquer dificuldade material para desenvolver sua carreira de compositor, já foi alvo de críticos mais severos. Alguns deles consideravam que a ausência de obstáculos na vida pessoal teria se refletido na obra de Mendelssohn, que seria autor de uma obra "fácil" e "superficial". Este julgamento, contudo, não se sustenta mais hoje. Mendelssohn é reconhecido como um dos grandes nomes da música do século 19. 



  • quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

    Retrospectiva 2010: os vídeos mais assistidos do Youtube

     Com o ano chegando ao fim, as pessoas começam a pensar em tudo o que aconteceu, de bom e de mau, durante o ano. Com o Youtube não poderia ser diferente. Foi divulgada, no blog oficial do Youtube, uma lista dos 10 vídeos mais assistidos de 2010. São todos muito bons e fazem jus à classificação. Portanto, sem mais delongas, vamos aos vídeos (clique em "Leia Mais" se não conseguir visualizar)!

    terça-feira, 28 de dezembro de 2010

    Imagem da Semana #7: Bom Velhinho?


     No último sábado foi comemorado o nascimento de Jesus. Mas muita gente lembrou mesmo é do Papai Noel. Como hoje é terça, aproveito para deixar um protesto contra a festa do capitalismo. Por isso, a Imagem da Semana é:

    Bom Velhinho?

    segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

    Nerdices a Parte na BGS: A aventura

     Finalmente, depois de mais de um mês de atraso, o post prometido vai sair. Como vocês devem saber, nos dias 20 e 21 de novembro ocorreu a Brasil Game Show, maior feira de videogames da América do Sul, na cidade do Rio de Janeiro. No dia 20, eu estive lá, para conferir tudo o que estava rolando. Posso dizer que minha experiência foi muito boa, que fiz muita coisa, mas também deixei de fazer muita coisa. Enfim, depois de um atraso monstro por conta de problemas com as fotos, aqui estamos nós, prestes a começar meu relato sobre a aventura. Confira, abaixo, o Nerdices a Parte na BGS (clique em "Leia mais" se não conseguir visualizar)!

    domingo, 26 de dezembro de 2010

    Nerdices a Parte Entrevista #2: Schneider Ferreira


     Este semestre cursei História da Música I na faculdade. Como o tema era livre, resolvi fazer sobre música de videogame. E eis que meu professor pede para fazermos uma pesquisa de campo, uma pesquisa onde eu e minha dupla deveríamos não só pesquisar em livros e sites, mas ir a lugares e entrevistar pessoas. Entre estas entrevistas, algumas pessoas se destacaram. Juntando o útil ao agradável, resolvi, com um pequeno incentivo de um amigo, que era hora de trazer estas entrevistas para o blog. Por isso, separei as três entrevistas que considerei as melhores para fazer uma série de três domingos onde as apresentaremos. Começando hoje, teremos as entrevistas de: Schneider, Guilherme e MMX. Espero que curtam! Sendo assim, sem mais delongas, confiram a primeira entrevista abaixo (ou clique em "Leia Mais" se não conseguir visualizar).

    sábado, 25 de dezembro de 2010

    Links da Semana #14


     Feliz Natal para todos! Hoje é um dia muito especial, pois é o dia em que, mesmo sabendo que ele não nasceu em dezembro, comemoramos o nascimento do Salvador. Apesar disso, hoje é sábado e, portanto, vai ter sim Links da Semana. Aproveite para tomar gemada enquanto confere os melhores links publicados em nossos parceiros!


    Recarregue seu iPhone pedalando

    Nerd Christmas

    iPad 2: uma verdadeira enxurrada de rumores

    Onde comprar camisetas?

    Indeed #34


    sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

    Feliz Natal!

     Faltam poucas horas para a meia noite. Por isso, não podemos deixar de lembrar que hoje, a véspera do Natal, o dia em que comemoramos o nascimento de Jesus Cristo, é também um dia de muita alegria, muita paz, o dia em que devemos perdoar uns aos outros e deixar de lado nossas diferenças. Por isso, o Nerdices a Parte deseja a todos um Feliz Natal. Ou, como diria o Mestre Yoda...


    Nerdices a Parte Especial de Natal #4


    [Leia a Parte 3]


     "Bom, parece que estamos juntos nessa" foi a primeira coisa que J ouviu na voz de Merlin972. E, pelo jeito, ele estava certo. Finalmente reparando no lugar à sua volta, J viu que eles estavam em um tipo de campo, mas que, para chegar ao local marcado pela Grande Estrela, teriam de passar por um bom pedaço de deserto.

     "Como chegaremos lá?" perguntou o MestreDosGatunos. "Porque o Katárico aqui e eu somos classes ágeis, mas provavelmente não teremos resistência o bastante para atravessar o caminho inteiro correndo".

     "Se eu já tivesse ido lá, poderia simplesmente nos teleportar para lá, mas infelizmente essa alternativa não vai rolar" e J, reparando que Merlin972 usava gírias bem antiquadas, reprimiu uma risadinha, tentando se lembrar qual era a palavra que seus avós usavam quando queriam dizer "legal" em linguagem arcaica. Ele achava que era algo parecido com "subimba" ou qualquer coisa parecida.

     "Espera" disse o MestreDosGatunos. "Eu sabia que essa habilidade me seria útil algum dia. Uma vez eu fiz uma missão especial e ganhei a habilidade de convocar animais da região onde estou. Talvez eu possa convocar uns camelos para nos transportar, já que o caminho é desértico".

     E assim ele fez. Os três começaram a andar até que chegassem na região do deserto. Então, MestreDosGatunos assumiu uma posição de invocação de habilidades e começou a assobiar para o horizonte. Assobiou três vezes e esperou. De repente, surgiram três camelos no horizonte e, em menos de um minuto, eles já estavam montando.

     Foi uma experiência incrível. J nunca havia montado em nada que não fosse um cavalo de um tio fazendeiro na vida real. Montar um camelo era bem diferente, principalmente por causa das corcovas.

     E assim eles foram em direção à Grande Estrela. No caminho, conversaram sobre os possíveis desafios que encontrariam lá e sobre a época do Natal. Assim como J, os outros dois conheciam a época de nome, mas não lembravam exatamente sobre o que se tratava.

     E então eles chegaram no local marcado pela Grande Estrela. Um pequeno estábulo montado no meio de um campo. Dentro do estábulo, em meio aos animais, estavam uma mulher, visivelmente cansada, um homem, que usava uma grande barba negra, e um bebê. Quando J viu o bebê ele não acreditou no que estava vendo. Dentro do jogo era possível notar quando um jogador era poderoso porque ele emitia uma certa energia mística em volta de si. Este bebê, mas como era possível? Ele emanava mais energia mística do que J julgava ser possível para um jogador comum. Ele olhou para seus novos amigos e percebeu que os dois estavam tão espantados quanto ele. O MestreDosGatunos foi o primeiro a se ajoelhar e fazer uma longa reverência, no que foi acompanhado por Merlin972 e, finalmente, por J.

     "Agora eu me lembro" disse Merlin972. "A festa do Natal, como minha mãe me contava, representava a celebração do nascimento do Rei dos reis".

     "Então era isso" pensou J. Aquela criança viria a se tornar o Rei dos reis. Mas como ele podia emanar tanta energia sendo ainda um bebê? Como era possível?

     E, então, enquanto olhavam, estupefatos, para a criança, ele apareceu: um homem idoso, sustentando uma grande barriga sob o peito, vestindo uma roupa absurdamente vermelha e um chapéu igualmente vermelho, uma barba que parecia não ter sido aparada nunca. E, quando ele falou, emitiu uma risada absolutamente sinistra e maléfica, quase uma risada diabólica. A diferença, pensou J, era que as risadas diabólicas geralmente eram representadas por "Muahaha" e este velhinho dizia:

     "Ho! Ho! Ho!"

    [Leia a Parte 5]


    quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

    Música Nerd #15: Franz Xaver Gruber


     Hoje é quinta-feira e, mesmo sendo véspera da véspera do Natal, quinta-feira é dia de Música Nerd! E ainda mais: estamos em dezembro. Portanto, hoje é dia de Música Nerd Especial de Natal. Portanto, sem mais delongas, nosso músico escolhido para hoje é: Franz Xaver Gruber.

    Um pouco de história

     Nascido em 25 de novembro de 1787, na Áustria, Gruber foi professor de uma escola primária e organista de uma igreja no vilarejo de Arnsdorf. Ao mesmo tempo, ele era organista e regente coral em uma igreja em uma vila vizinha, Oberndorf bei Salzburg. Mais tarde, se mudou para Hallein, em Salsburgo, onde conheceu o padre Joseph Mohr, e lá ficou como diretor de música até o fim de sua vida, em 7 de junho de 1863.



    Um pouco de música

      Em 1818, o padre Joseph Mohr apresentou um poema para a noite de Natal a Gruber e pediu que ele acrescentasse uma música ao poema. Ali nascia um dos mais belos e tradicionais hinos de Natal do mundo: "Stille Nacht", conhecido, em inglês, como "Silent Night" e, em português, como "Noite de Paz", mas mais conhecido como "Noite Feliz".



     Infelizmente, não foram encontradas outras músicas compostas por Franz Xaver Gruber. Ao que parece, ele é mais um dos compositores que ficaram famosos graças a uma única música. Conhece alguma música de Gruber? Use o campo de comentários para melhorar ainda mais este post!

    Algumas curiosidades



  •  Na ocasião em que o padre Mohr pediu para Gruber escrever uma música para seu poema natalino, o órgão da igreja estava quebrado. Por causa disso, a estréia do hino, na missa de Natal de 1818, na igreja de São Nicolau, foi feita com o padre Mohr tocando violão enquanto ele e Gruber cantavam o hino e um coral repetia as duas últimas frases de cada estrofe. Mais tarde, o próprio Gruber fez arranjos do "Stille Nacht" para órgão e para órgão e orquestra.
  • quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

    Como limpar um celular

     Eis que, depois de tanto custo, você comprou aquele celular que tanto queria. E aí você não larga mais ele. E aí o que acontece? Exatamente: depois de um certo tempo de uso, o celular vai ficando cada vez mais sujo e engordurado. O negócio vai ficando cada vez mais nojento e, pasmem, pode conter mais bactérias do que uma tampa de privada, ou uma maçaneta de porta, ou mesmo um sapato usado.


     E é aí que suge a questão: como se limpa um telefone celular? Certamente que não é colocando-o dentro de uma máquina de lavar ou deixando de molho em um balde com água sanitária. Pensando nisso, separamos algumas dicas para você limpar seu telefone e deixa-lo como novo.


    1. Em primeiro lugar, desligue o aparelho. Depois que ele estiver desligado, remova a bateria.

    2. Umedeça um pano limpo em uma solução de álcool 70% (você encontra nas melhores farmácias) e passe suavemente na parte externa do aparelho, com exceção da tela. Tome o cuidado de não enxarcar o pano, permitindo que líquidos caiam dentro do aparelho ou na tela.

    3. Procure, em uma loja de informática, uma solução para limpar telas de gadgets. É bem fácil de encontrar nesse tipo de loja. Então, umedeça um pano limpo nesta solução, novamente sem exageros, e passe suavemente sobre a tela do telefone.

    4. Para remover o pó acumulado entre as teclas ou nas saídas de cabos, utilize uma escova (pode ser uma de dentes ou semelhante) seca para esfregar nestes lugares onde o pano não alcança. Se houver muita sujeira nas saídas de cabos, cole um pedaço de fita adesiva nestes lugares e retire em seguida. A maior parte da sujeira sai junto com a fita. Apenas tome o cuidado de não usar uma fita muito potente, pois elas podem deixar resíduos de adesivo e acabar sujando ainda mais.

    5. No dia a dia, utilize panos secos ou toalhas de papel para remover digitais e resíduos e procure nunca utilizar o telefone enquanto come, pois é nessa hora que ele mais se contamina e, além disso, pode mesmo passar as bactérias para a comida. Em alguns restaurantes, chega a ser proibido deixar o celular sobre a mesa justamente por causa disso.


     E é isso aí! Espero que tenham curtido essas dicas vindas diretamente do Movebla, o site especializado em aparelhos móveis e gadgets. Agora que você já sabe como limpar seu telefone celular, não precisa mais entrar em pânico quando vir aquela camada de sujeira e gordura se apoderar dele. Basta seguir nossas dicas e pronto: seu celular estará como novo.


    terça-feira, 21 de dezembro de 2010

    Imagem da Semana #6: Então é Natal!


     E hoje é terça-feira novamente e, portanto, dia da nossa Imagem da Semana. Sendo esta a semana do Natal, estão todos aguardando ansiosamente a data em que é comemorado o nascimento de Jesus Cristo. Sendo assim, todas as árvores já estão montadas, representando os pinheiros que, além de apontar para o céu, indicando o Salvador, com seus galhos estendidos, como se fossem braços abertos, convidam a todos a adorar o Senhor. E, se sua árvore ainda não está montada, aproveite nossa Imagem da Semana, que é:

    Então é Natal!


    segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

    The Wii Didn't Start the Fire

     O músico Billy Joel compôs uma música narrando diversos fatos e acontecimentos importantes de toda a sua vida, do ano de 1949, quando nasceu, até o ano de 1989, quando a canção foi lançada.



     Esta música gerou muitas paródias que se utilizavam do mesmo sistema de contar fatos e acontecimentos importantes um atrás do outro no decorrer da música. No entanto, uma das versões mais nerds é, provavelmente, esta.



     Sentindo nostalgia? Experimente jogar Snake enquanto o vídeo carrega! Com certeza uma experiência única para um gamer de carteirinha.


    domingo, 19 de dezembro de 2010

    A dieta da imaginação

     Suponhamos que você está com fome. Se você pensar em um delicioso cheeseburger com batatas fritas, ou no seu prato preferido, seu cérebro logo associará aquela imagem com um único comando: comer! Agora, imagine que, ao invés disso, você pensou que estava mordendo, mastigando e engolindo alguma coisa. Pesquisadores da Universidade Carnegie-Mellon, no estado da Pensilvânia, EUA, descobriram que você pode estar a meio caminho de evitar comer alguma coisa.


     O estudo, que foi publicado na revista Science, mostrou que, em uma lanchonete, onde as opções são exibidas em um grande painel acima do balcão, quanto mais os voluntários pensavam que estavam, pouco a pouco, mastigando e se deliciando com seu sanduíche favorito, menos eles comiam. Diante de fotografias, como de vários pedaços de chocolate ou de cubos de queijo, eles eram orientados a, mentalmente, mastigar um por um. No final, eles se acostumaram tanto com a comida imaginaria que que acabaram perdendo o apetite.


     O princípio da "dieta" é o mesmo que em diversas outras ocasiões, como explicou o pesquisador Carey Morewedge. "Se você imagina uma aranha em sua perna", ele exemplifica, "vai haver o mesmo tipo de aumento nos batimentos cardíacos que você teria diante do bicho". Mas, aos entusiastas, é bom alertar: os cientistas acreditam que a imaginação pode dar uma boa força para quem quer emagrecer, mas ainda é necessário fazer mais testes antes de sair anunciando a "dieta imaginária".

    sábado, 18 de dezembro de 2010

    Links da Semana #13


     E mais uma vez é sábado e, portanto, dia de Links da Semana. Estou sofrendo com o fato de que, para que meu monitor exiba todas as imagens no tamanho correto, ele tenha de ficar com a tela tão pequena, mas, pelo menos, as imagens quadradas ficam quadradas. Chega de papo. Vamos aos links!


    Play Station Network chega ao iPhone e Android


    Cartões de Natal Nerds

    Vamos para Marte?

    Novo Super Mario Bros: The Brothers Mario

    iCade: O fliperama do futuro

    E se Star Wars fosse uma história de samurais?


    sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

    Nerdices a Parte Especial de Natal #3


    [Leia a Parte 2]

     Chegando lá, notou que ele não era o único jogador no local. Outros dois personagens, um da classe chamada Mago, por serem personagens com habilidade de criar e manipular coisas, e outro da classe denominada Logradeiro, uma classe de personagens ágeis que, em combate, tentavam sempre enganar e manipular os inimigos a seu favor, já estavam lá. O apelido do Mago era "Merlin972", e o Logrador se denominava "MestreDosGatunos". Ambos, J reparou, eram do mesmo nível que ele.

     J não tentou puxar assunto. Estava desconfiado de que, talvez, eles estivessem ali para lutar entre si e, portanto, não queria que os outros soubessem qualquer coisa a seu respeito. Então, muito de repente, escureceu e tornou-se noite em Bethlehem. J nunca tinha visto um efeito parecido naquele jogo e muito menos o efeito seguinte. Centenas, talvez milhares de pontos luminosos desceram dos céus em direção aos três jogadores. Conforme se aproximavam, J preparava sua lâminas de pulso para o combate e reparou que os outros dois jogadores também assumiam uma posição de combate. No entanto, assim que os pontos se tornaram mais nítidos, os três jogadores finalmente perceberam que os pontos luminosos eram, na verdade, criaturas humanas, que vestiam roupas absolutamente brancas, e diziam:

     "Não temam! Eis que trazemos boas novas para vocês, experientes jogadores. Esta é uma missão muito especial em comemoração à época do Natal. Vocês três deverão seguir a Grande Estrela e, no local que ela lhes mostrar, completar a tarefa que lhes for dada. Para isso, receberão cada um um presente especial. Você, J, está recebendo um Katar de Ouro" e ele percebeu que a lâmina em seu pulso mudou e se tornou uma muito mais trabalhada e com uma coloração dourada e brilhante. "Você, MestreDosGatunos, está recebendo um Incenso da Vitória" e J, olhando para o Logradeiro, viu que se materializava, em sua mão, um item novo, um incenso. "E você, Merlin972, está recebendo um pouco de Mirra Poderosa" e os outros dois jogadores perceberam, no mesmo momento que o Mago, que uma sacola de pano se materializava presa em seu cinto. "Agora vão", diziam as criaturas luminosas, enquanto voltavam aos céus, "e levem estes presentes até o local que a Grande Estrela os mostrar".

     Então, no momento em que as criaturas luminosas desapareceram, uma grande estrela, isso é, a Grande Estrela começou a brilhar à oeste.

    [Leia a Parte 4]

    quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

    Música Nerd #14: Lewis Henry Redner


     E hoje é quinta-feira mais uma vez. Como todos já devem saber, quinta-feira é dia de Música Nerd! E mais: estamos em dezembro, o que significa que é dia de Música Nerd especial de Natal! Hoje viajaremos até os Estados Unidos para conhecer um pouco sobre a vida do músico e compositor Lewis Henry Redner.

    Um pouco de história

     Nascido em 15 de dezembro de 1831, na Filadélfia, estado da Pensilvânia, e tendo falecido em 29 de agosto de 1909, foi um músico e compositor americano que, para ganhar a vida, trabalhava como imobiliário. Além disso, era um exímio organista, tendo tocado órgão em quatro diferentes igrejas durante sua vida.  Enquanto foi organista na Igreja da Santíssima Trindade, na Filadélfia, trabalhou em um poema do pastor Phillips Brooks, sobre uma peregrinação a Belém, para a noite do Natal de 1868, tendo o hino estreado no dia seguinte.



    Um pouco de música

     Como já é de costume, Lewis Henry Redner foi escolhido para o Música Nerd especial de Natal por causa de uma tradicional canção de Natal que ele escreveu. E Lewis Redner é o compositor da melodia St. Louis, mais conhecida como O Little Town of Bethlehem ou Pequena Vila de Belém. O citado pastor Philips Brooks é o escritor da letra.



     Infelizmente não foi encontrada nenhuma outra música composta por Redner. Se você conhecer alguma, use o campo de comentários para melhorar ainda mais este post!

    Algumas curiosidades


  • Muito pouco se sabe sobre a vida deste organista e compositor. Redner se encaixa perfeitamente na lista de músicos famosos por uma única música em particular.

  •  A lápide de Lewis Henry Redner está no Woodland Cemetery, na Filadélfia.

  • Redner nunca se casou.

  • quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

    Cuidado com o Safari do iPhone!

     Eis que você, depois de muito custo, finalmente comprou seu tão desejado e sonhado iPhone. E aí, na primeira vez que você vai usar a internet com ele, você descobre um recurso muito interessante: algumas páginas, que são as páginas formatadas especialmente para o aparelho, tem suas barras de endereço ocultadas, tornando a visualização e, portanto, a navegação melhor.


     No entanto, este recurso, apesar de muito legal, abre uma brecha de segurança enorme para os crackers. Imagine que você está tentando acessar a página do seu banco pelo iPhone. Agora, imagine que algum cracker criou uma página exatamente igual à página do seu banco, com exceção, é claro, do endereço. Agora, imagine que a página do cracker está formatada para iPhone e que, logo no topo da página, ele incluiu uma imagem com a barra de endereços do Safari exibindo o endereço real do banco. Pronto! Prepare-se para ter suas senhas enviadas confortavelmente para o e-mail do cracker.


     Se não acredita, utilize seu iPhone para acessar a página de Nitesh Dhanjani. Como você pode ver, a URL que aparece é a do Bank of America. Um usuário desatento pode muito bem cair nesse golpe e aí, já sabe, né?


     Dhanjani disse, ainda, em seu blog, que alertou a Apple quanto a esta falha de segurança, mas a gigante respondeu dizendo que já está ciente do problema, mas não tem previsão de como nem quando irá corrigi-la. Enquanto isso, sempre que for visitar alguma página que precise de senhas, role-a até o topo para saber se existe alguma barra de endereços oculta. Ou, ainda, mude o tema do iPhone para um que mude a cor da barra de endereços do Safari. Estaremos de olho para qualquer novidade.


    terça-feira, 14 de dezembro de 2010

    Imagem da Semana #5: Toca aqui!


     Hoje é terça-feira e, como já é de costume, terça-feira é dia de nossa Imagem da Semana. Final de ano é tempo de festas, mas também é tempo de curtir com os amigos. Por isso, nossa imagem de hoje é:

    Toca aqui!

    segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

    Mu-mu-mulher, em mim fi-fizeste um estrago...

     Calma! Este ainda é um blog de nerds, que fala sobre coisas nerds, e é feito por um nerd para nerds. Não entendeu o título do post? Trata-se de uma antiga canção popular escrita por Noel Rosa, sob o título Gago Apaixonado.



     No entanto, a música de Noel Rosa, apesar de muito boa e até divertida, comete um engano em relação à vida real: os gagos não gaguejam enquanto cantam. O que nos leva ao tópico do post de hoje. Por que será que os gagos não gaguejam enquanto cantam? E não vale responder "porque não, Zequinha".


     Bom, primeiramente, um gago não gagueja enquanto canta porque ele não precisa pensar no que vai falar: a letra já está prontinha no papel, bastando apenas decorar. Um dos motivos principais da gagueira é que o gago, por vezes, acaba não conseguindo se decidir quanto a o que vai falar. Já quando canta, ele já sabe o que vai falar. Isto também quer dizer que não é só com a música que o gago deixa de gaguejar: quando ele fala algo para o qual treinou, como um discurso, ou quando dá uma resposta comum, como um dia da semana ou mês do ano, a gagueira também é inibida.

     Em segundo lugar, quando cantamos, utilizamos mais o hemisfério direito do cérebro, que concentra as habilidades artísticas, enquanto a fala está mais ligada à metade esquerda. A ajuda do lado direito diminui as falhas que geram a gagueira. Isso também quer dizer que a criação de padrões rítmicos pode muito bem ser usada como terapia para, aos poucos, vencer a gagueira.



    domingo, 12 de dezembro de 2010

    E se existisse internet na época de Jesus?

     Fala, meu povo nerd! Esta semana assisti a um vídeo genial. Apesar de o nome do vídeo em si ser outro, acho que o que ele passa é algo como: e se na época em que Jesus nasceu, já existisse a Google, o Twitter, o iPhone, o Facebook, e todos os aparelhos eletrônicos e sites da era digital? Confira, abaixo, como seria. O vídeo está em lusitano, o que, além de favorecer nossos amigos portugueses, não atrapalha em nada aos brasileiros.




    sábado, 11 de dezembro de 2010

    sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

    Nerdices a Parte Especial de Natal #2


    [Leia a Parte 1]

     J tinha acabo de iniciar o jogo quando recebeu uma notificação no comunicador de seu personagem de que havia um evento especial ocorrendo, em comemoração à época do Natal, e que ele tinha sido convidado a participar.

     "Natal" pensou J. "Lembro de ter ouvido falar sobre isso quando era criança, mas muito pouco. Acho que minha mãe falou algo sobre o Centro de Pesquisas Norte-Americano do Pólo Norte ou algo parecido, mas ela nunca chegou a se aprofundar no assunto".

     Tomado de curiosidade, J resolveu aceitar o convite e rumou para o local indicado na comunicação, um lugar chamado Bethlehem.

    [Leia a Parte 3]

    quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

    Música Nerd #13: Georg Friederich Händel


     Quinta-feira é dia de Música Nerd. E, estando no mês de dezembro, é dia de Música Nerd especial de Natal! A cada semana, será escolhido não um músico qualquer, mas um que tenha composto um dos famosos e tradicionais hinos de Natal que cantamos até hoje. E o escolhido para hoje é: Georg Friederich Händel.

    Um pouco de história

      Nascido em 23 de fevereiro de 1685 e tendo falecido em 14 de abril de 1759, Händel foi um grande músico e compositor alemão, naturalizado britânico em 1726. Seu pai desejava que ele fosse advogado, mas o pequeno Georg sempre mostrou aptidão para a música, no que foi apoiado pela mãe. Com sete anos já era excelente cravista. Foi quando, acompanhando seu pai em uma visita a Weissenfels, conseguiu ter acesso ao órgão da capela do duque, que insistiu que o menino fosse ensinado à música. Consentindo, seu pai o colocou sob a tutela de Friedrich Wilhelm Zachow, com quem aprendeu teoria, composição, violino, órgão, cravo e oboé.



    Um pouco de música

     Händel tinha uma facilidade imensa para compor, tanto que sua obra compreende mais de 600 peças. Ué, mas peraí... Este não era um post especial de Natal? Sim. E é exatamente por isso que Händel foi escolhido: ele é o compositor da melodia Antioch, mais conhecida como Joy to the World ou Cantai que o Salvador Chegou.



     No repertório de Handel temos, ainda, a peça Pois um Menino nos Nasceu, For Unto Us a Child is Born, que faz parte do oratório O Messias.



     Para finalizar, apesar de não ser exatamente uma canção que fale do Natal, ela também faz parte do oratório que conta a vida e a obra de Cristo e, portanto, tem tudo a ver com o Natal. Além disso, esta é uma peça comumente cantada nesta época. É claro que estamos falando do clássico Aleluia.




    Algumas curiosidades

  •  Georg Friederich Händel era alemão. No entanto, quando se estabilizou na Inglaterra e adquiriu cidadania britânica, decidiu que não poderia continuar com este nome tão difícil na língua inglesa e adotou uma versão anglicalizada do nome: Georg Frideric Handel.

  •  Nascidos no mesmo ano e considerados os compositores alemães mais famosos da época, Bach e Handel viveram uma infeliz coincidência. Nunca se conheceram pessoalmente, mas ambos tiveram um destino parecido: quase cegos, foram operados pelo mesmo médico, o inglês ambulante John Taylor. No entanto, as cirurgias de ambos não foram bem-sucedidas e, pelas mãos de um charlatão, eles ficaram completamente cegos.

  •  Não se sabe ao certo como iniciaram os estudos musicais de Händel. Conta-se que ele teria praticado sem o conhecimento do pai em uma velha espineta da família. Também existe a possibilidade de que sua mãe, que era filha de um pastor, o tenha ensinado, ou que ele tenha aprendido algo na escola.

  •  Testemunhos de época afirmam que Händel tinha uma impressionante facilidade para compor. Às vezes, compunha mais rápido do que os seus libretistas podiam fornecer-lhe o texto para suas óperas e oratórios. Compôs a abertura de Rinaldo em uma única noite, e escreveu Belshazzar tão rapidamente que seu libretista não conseguia acompanhá-lo, tanto que teve de se entreter nas horas vagas compondo Hercules, outra grande obra. Seu célebre O Messias, extenso oratório em três atos, foi composto em apenas 24 dias. Não era sistemático, compunha obras em partes independentes enquanto trabalhava em várias ao mesmo tempo. Quando compunha isolava-se do mundo e ninguém tinha permissão para interrompê-lo. Enquanto o fazia, gritava consigo mesmo, e se emocionava quando trabalhava sobre um texto trágico ou piedoso. Seus serviçais muitas vezes o viram chorando e soluçando sobre as folhas de música. Quando esteve escrevendo o coro Halleluja, do Messias, seu camareiro foi servir-lhe chocolate quente e o encontrou em prantos, para quem o músico disse: "Não sei se eu estava em meu corpo ou fora dele quando escrevi isso, só Deus sabe!"

  • quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

    Como terminar um namoro quando você é um nerd

     Um tempo atrás, você conferiu aqui no blog uma excelente maneira de convidar um nerd para um encontro e receber um lindo sim. Mas hoje a história é um pouco diferente. Digamos que a relação dos pombinhos não vai muito bem e, de repente, o nerd resolve que não tem mais jeito. Como fazer para terminar o encontro? Confira abaixo ou clique em "Leia mais" se não conseguir visualizar.

    terça-feira, 7 de dezembro de 2010

    Imagem da Semana #4: A bactéria do arsênio


     Hoje é terça e terça é dia de Imagem da Semana. Esta semana o mundo científico parou diante de uma nova e incrível descoberta. Por isso, a imagem de hoje é:

    A bactéria do arsênio